Noções de fotografia e outras coisas...



[Texto escrito originalmente para o blog www.juntaki.com.br/tkm]


Wide angle, fisheye, telephoto…



Quem gosta de fotografia já deve ter se esbarrado com esses termos por aí uma dezena de vezes, mas muita gente não sabe o que eles significam. Eu mesmo só descobri exatamente o que significavam quando comecei a pesquisar pra investir na compra de uma câmera profissional.

Uma coisa que sempre me assustou é aquela coisinha de milímetros. Quando alguém falava que a lente era uma 50mm ou uma 18mm, por exemplo, eu fingia entender, dava um sorrisinho e continuava a conversa desviando um pouco do assunto. Mas isso é mais fácil do que parece! Preparei essa tabelinha logo abaixo para esclarecer isso:






Quanto menor a medida em milímetros, maior será o campo de visão alcançado pela câmera. Vamos de extremos 6mm, que resulta numa foto super arrendondada, passamos pela medida mais comum que é a de 35mm, e chegamos a incríveis 600mm, que devem custar os olhos da cara.
Ainda ficam no ar algumas dúvidas sobre abertura de diafragma (vocês também já devem ter visto isso)…




Essa parte é mais simples de entender do que a anterior. Uma lente com número menor tem uma abertura maior. Como na imagem mostrada acima, uma lente com f/1.0 capta muito mais luz e desfoca muito mais o fundo da cena do que uma lente com f/5.6. Minha lente preferida é uma 50mm com f/1.8. As imagens feitas com ela são muito nítidas, de uma cores maravilhosas e também deixa o objeto principal bastante destacado do fundo da cena. Quer um exemplo?



Poente na ponte
E o que isso tudo tem a ver com a vida cristã? De certa forma, muita coisa.
O que são as câmeras fotográficas, senão a tentativa humana de registrar o que nossos olhos veem? Da mesma forma que nossos olhos veem as cenas, as lentes possibilitam que os cenários sejam captados.
Mas… e se usarmos uma lente inapropriada para o momento? A depender de nossa cosmovisão, podemos enxergar as coisas de forma turva, como se não estivéssemos usando corretamente o foco das nossas “lentes” ou podemos ter um ângulo de visão tão fechado que não conseguiremos contemplar a cena em todos os seus aspectos.


Como falou o apóstolo Paulo, os atributos de Deus, Seu poder e Sua natureza divina podem ser facilmente compreendidos por meio das coisas criadas. Mas os homens escolheram o erro porque, “tendo conhecido a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe renderam graças, mas os seus pensamentos tornaram-se fúteis e os seus corações insensatos se obscureceram.” Romanos 1:21
A humanidade escolheu usar as lentes erradas. Escolheu enxergar as coisas da forma que bem entendeu, ignorando totalmente as advertências de Deus. Trocaram o certo pelo errado quando escolheram ser seus próprios deuses, afirmando que “não é bem assim” ou que “a Bíblia foi escrita por homens” ou ainda que “seus escritos são para outra época, pros judeus”…


“Por causa disso Deus os entregou a paixões vergonhosas. Até suas mulheres trocaram suas relações sexuais naturais por outras, contrárias à natureza. Da mesma forma, os homens também abandonaram as relações naturais com as mulheres e se inflamaram de paixão uns pelos outros. Começaram a cometer atos indecentes, homens com homens, e receberam em si mesmos o castigo merecido pela sua perversão. Além do mais, visto que desprezaram o conhecimento de Deus, ele os entregou a uma disposição mental reprovável, para praticarem o que não deviam. Tornaram-se cheios de toda sorte de injustiça, maldade, ganância e depravação. Estão cheios de inveja, homicídio, rivalidades, engano e malícia. São bisbilhoteiros, caluniadores, inimigos de Deus, insolentes, arrogantes e presunçosos; inventam maneiras de praticar o mal; desobedecem a seus pais; são insensatos, desleais, sem amor pela família, implacáveis.
Embora conheçam o justo decreto de Deus, de que as pessoas que praticam tais coisas merecem a morte, não somente continuam a praticá-las, mas também aprovam aqueles que as praticam.” Romanos 1:26-32



 Nosso Senhor é um Deus de amor, mas também pode ser visto como um Deus punitivo.


Tudo depende de sua escolha. Usando as lentes corretas, a benignidade do Senhor se tornará mais clara do que o sol ao meio dia. Mas para aqueles que escolheram estar em trevas, olhar para aquele que é pura bondade será aterrorizante.


Ele é justo e “retribuirá a cada um conforme o seu procedimento.” Salmo 62:12)
“Quem é comparável a ti, ó Deus, que perdoas o pecado e esqueces a transgressão do remanescente da sua herança? Tu que não permaneces irado para sempre, mas tens prazer em mostrar amor.” Miquéias 7:18

 “Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. Pois Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para condenar o mundo, mas para que este fosse salvo por meio dele. Quem nele crê não é condenado, mas quem não crê já está condenado, por não crer no nome do Filho Unigênito de Deus. Este é o julgamento: a luz veio ao mundo, mas os homens amaram as trevas, e não a luz, porque as suas obras eram más. Quem pratica o mal odeia a luz e não se aproxima da luz, temendo que as suas obras sejam manifestas. Mas quem pratica a verdade vem para a luz, para que se veja claramente que as suas obras são realizadas por intermédio de Deus”. João 3:16-21


Decida enxergar as coisas da forma correta. Molde seu ponto de vista ao apresentado na Bíblia. Esqueça os “eu acho” e passe a crer verdadeiramente no “está escrito”! As duas lentes estão em suas mãos. A forma como você enxergará a cena final da história do pecado só depende de você. E aí? Já escolheu?





COMPARTILHE

COMENTÁRIOS

5 comentários:

  1. Eu gosto de fotografia, mas não sei fotografar como vc rs! Já tinha visto esses termos em um curso que fiz pela web, aliás nem terminei! :O Enfim, é muito bom fazer essa ligação entre as lentes e a nossa visão... Quando colocamos nossos olhos no rumo certo, é mais fácil prosseguir. Super curti: Decida enxergar as coisas da forma correta. Molde seu ponto de vista ao apresentado na Bíblia. Esqueça os “eu acho” e passe a crer verdadeiramente no “está escrito”! Abraços, ah e o guri da foto tem algum parentesco com vc? Parece muito contigo HAEHAHEAHEAHA!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado. Espero que eu consiga viver de acordo com a profissão de fé que fiz, por que o discurso todo é muito bonito, mas não é fácil de ser vivido. A carne luta em todo o tempo para destruir o Espírito...
      O guri é meu irmão. Sempre acham que somos gêmeos... ¬¬
      Fomos pra Aracaju no final do ano passado e nos confundiram três vezes (no mesmo dia mas em locais diferentes) com os filhos de Bel Marques.

      Excluir
    2. Pois é, palavras bonitas só fazem sentido se estiverem acompanhadas de ações... AHAHAHA, droga, eu fui mais uma a pensar isso, mas nem quis comentar hahaha!Gente, rs que bizarro pq eu nem sei quem é Bel Marques ! :(

      Excluir
  2. boa tarde

    estou para comprar uma câmera profissional geralmente as que vende vem com a lende de 18mm a 55mm seria boa? porém esse negocio de diafragma eu nem sabia mais vou ver a de f/1.8 que é a que você usa me indique uma câmera boa por favor.

    ResponderExcluir
  3. Amigos do Ministério de Comunicação da IASD de Lauro de Freitas, a pergunta mais importante é: quanto você pode/quer gastar? Sabendo esse valor, ficará muito mais fácil indicar a melhor câmera possível. Você pode entrar em contato através da sessão "Contato", lá encima da página ou pelo email "contato@bcayres.com". Um abraço!

    ResponderExcluir