Xilogravuras!



Como havia prometido, postarei alguns trabalhos da faculdade que, finalmente, peguei de volta.
Apesar do título "xilogravuras", nem todas as gravuras que colocarei aqui foram feitas em madeira. Na verdade, apenas duas foram e seria possível que vocês percebessem isso mesmo que eu não falasse nada.

Começamos o semestre usando uma espécie de borracha. Na ementa da matéria consta que usaríamos linóleo mas, por conta do alto custo, acabamos usando uma alternativa muito mais barata: Neolite!

Vamos às fotos! 


Acho que esse foi o primeiro trabalho. Não tenho absoluta certeza... Dá pra ver que foi em borracha, já que não existe textura, né? Esse é o bichinho do Cut the Rope, jogo pra iPhone, iPad e iPod.


Esse leão alado foi feito em neolite também. "Borracha? Mas e essa textura de madeira?"
Ela é o resultado de, ao invés de escolher o lado lisinho da borracha pra gravar a figura, gravar no verso, que era bem grosseiro. Ideia do professor Evandro Sybine. O resultado foi legal. Textura de madeira e super facilidade de gravação!


Esse daí foi feito em duas cores, também na matriz de borracha. Por conta de vários problemas, manchas aparecem. Acho que a maior dificuldade foi o vento, que amontoou os trabalhos feitos em papel seda.



Essa matriz de madeira me deu tanta dor de cabeça... O professor arranjou uma madeira super mole (a convencional, de cedro está sumida do mercado) e elástica! O problema é que, se as ferramentas não estiverem bem afiadas, a madeira amassará mas não será arrancada. E eu fui muito ousado (ózado, como se fala aqui na Bahia). Escolhi um desenho difícil, tinha que sofrer mesmo!
Foi feita uma versão de uma e de duas cores.




A gravura do cowboy foi a última que fiz e apresentou diversos problemas. Parecia que a matriz tava empenada, depois pareceu que a prensa estava com problema, depois pareceu que nunca daria certo... finalmente conseguimos essa gravura aí, que foi a de melhor qualidade dentre todas as tentativas.

Então, é isso.

:)

COMPARTILHE

COMENTÁRIOS

2 comentários:

  1. curti muito as gravuras do "vaqueiro".
    muito bom

    ResponderExcluir
  2. Lindos, amei, queria pegar no material pra entender o que você está falando das texturas e etc.

    ResponderExcluir